Como manter a motivação na quarentena

Como manter a motivação na quarentena

A Motivação basicamente pode ser definida como uma “energia psicológica”, é a tal “força de vontade”, “a paixão que move um individuo” a buscar algum objetivo e assim, faz com que nos comportemos de determinadas maneiras. Por isso, é um tema muito complexo e estudado por várias disciplinas. 

Nessa quarentena muitas queixas estão relacionadas a desmotivação. Atletas, equipes e treinadores estão percebendo o quanto manter a motivação tem sido fundamental para, inclusive, permanecer sadio emocionalmente. Esse momento atípico da humanidade tem sido muito difícil de lidar. Muitas perdas, luto, noticias e perspectivas negativas. Nossas emoções tem oscilado. Não era para ser diferente. É natural que experienciamos sentimentos conflitantes nesse período de vulnerabilidade em que estamos.
Podemos nos entregar e ser consumidos pela tristeza e negatividade da situação atual. Ou, podemos nos ajudar a encontrar saídas razoáveis respeitando nossa individualidade. Vou compartilhar sete dicas que podem lhe auxiliar a melhorar a motivação durante a quarentena e isolamento social.

Lembrando que, pensar e ruminar as idéias não é estar motivado. Isso está relacionado a vontade ou desejo, é uma etapa anterior. Motivação envolve ações. Nos motivamos para querer mudar, sair da tal zona de conforto. Parece simples, mas sabemos que na prática é difícil alterar hábitos enraizados em nossos padrões de comportamentos.

Sete dicas para manter a motivação:

– Autoconhecimento

Há pessoas naturalmente mais motivadas do que outras, assim como há pessoas mais simpáticas, mais emotivas, mais agressivas etc. Existe influencias biológicas, sociais e psicológicas envolvidas nesse processo. Conhecer a si mesmo é fundamental, saber o que lhe agrada, o que lhe faz feliz. Possíveis gatilhos que lhe deixam frustrado, triste, alegre ou animado, por exemplo. Como se comporta suas emoções? Portanto, essas respostas te levarão ao autoconhecimento.

– Autocuidado

Nesse momento de pandemia mundial, precisamos redobrar o autocuidado. Isso pode salvar a sua vida e a de quem você ama. Você está cansado de saber que lavar as mãos, usar álcool em gel e a mascara ao sair de casa é fundamental. Mas, vale a pena reforçar essas informações.
Alimente-se equilibradamente, manter a imunidade estável é imprescindível. Não é o momento ideal para realizar uma dieta rígida, por exemplo. Durma o necessário para sua saúde e vitalidade. Modere o consumo de bebidas alcoólicas. Se algum dia exagerou e se excedeu na alimentação ou bebida? Seja gentil consigo mesmo, não se puna. Repito estamos num momento atípico e alguns excessos são inevitáveis.

-Rotina

Mantenha uma rotina razoável, se você está estudando, provavelmente está com uma rotina de tarefas de estudo. Acorde nos horários parecidos com que acordava antes da pandemia. Faça exercícios regularmente com auxílio de sua equipe caso você tenha essa orientação. Os exercícios físicos nesse momento, não visam o desenvolvimento de performance, eles vão ajudar na manutenção da condição de saúde, para estímulos fisiológicos e aliviar o estresse. Do ponto de vista psicológico, as praticas meditativas e as técnicas de visualização podem ajudar a manter nosso cérebro ativo e focado. Isso é fundamental para um bom retorno as atividades e melhorar, por exemplo, sintomas de ansiedade.

Como manter a motivação na quarentena

– Foco no objetivo

Não existe motivação sem busca por metas, a motivação não pode ser compreendida como um único comportamento, mas sim como uma gama de atitudes que desencadeiam e facilitam outras aprendizagens e habilidades psicológicas  (concentração, disciplina, atenção, autoconhecimento, autocontrole, autoeficácia,  autoconfiança, empenho, persistência). Mesmo sem as condições ideais de treinamento, por exemplo, qualquer pessoa pode manter-se ativo e focado em suas metas, desejos e sonhos. Por mais distante que o objetivo pareça estar nesse período, esse é mais um motivo para manter a chama acesa, com direção e intensidade.

– Seja flexível

Como dito anteriormente, estamos vivendo um momento atípico e inédito na historia da humanidade. Portanto, não lute contra a natureza. Você irá se frustar e desperdiçará energia e perderá essa briga. Paciência deve ser o seu mantra diário. Um elemento muito importante na motivação é a capacidade de aceitar as adversidades e ter flexibilidade para permanecer buscando as metas estabelecidas, mesmo em momentos de extrema dificuldades. Geralmente as pessoas perdem o foco de suas metas pessoais quando passam por determinadas atribulações cotidianas. Se não for possível manter o foco como desejava. Reveja as suas metas, dê alguns passos atrás. Mas, não desista.

– Evite cobrança em excesso

É muito comum confundirmos a motivação interna com a autocobrança, na motivação as consequências são ganhos em nossa confiança, sentimentos positivos, prazer por ter alcançado uma meta, por exemplo. A autocobrança gera autopunição, repressão, sentimentos negativos, culpa e frustração. Afetando a autoestima, autoimagem e consequentemente desmotivando.

Vai passar

O ser humano tem no seu DNA a resiliência e a adaptação. Ao longo da história sobrevivemos a eventos e acontecimentos e esse será mais um. Tenha paciência e compreensão, elas irão te ajudar a ultrapassar esse momento com menos sentimentos negativos. Se não conseguir dar conta sozinho, procure ajuda profissional. Ficou evidente o quanto negligenciamos nossa saúde mental e emocional. Não tenha receio, muitas pessoas estão se sentindo emocionalmente vulneráveis.

***
Abraços…
Até !!!

Gostou? Insira o seu email para receber as atualizações do blog!

No spam guarantee.

I agree to have my personal information transfered to MailChimp ( more information )

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *