Arquivo da tag: Psicologia geral

Brincando de terapeuta


O blog recorre novamente ao texto da colega e educadora Rosely Sayão, publicado dia 27/09/2011 no Caderno Folha Equilíbrio do Jornal Folha de S.Paulo. Acredito que os conselhos da autora servem a todos os “PSI”, psicólogos (independentemente da corrente  teórica), psiquiatras, psicanalistas e psicopedagogos. Bom senso nunca é demais. 

***

Brincando de terapeuta

A criançada está com a saúde mental comprometida, apresentando muitos sintomas, doente. Essa é a conclusão a que chegamos quando tomamos conhecimento da quantidade de crianças e jovens que têm indicação para fazer ou já fazem ludoterapia, psicanálise para criança ou adolescentes e outros tratamentos derivados.
Uma criança de três anos, por exemplo, que apresentou um comportamento considerado diferente ou de difícil trato, o que colocou pais e professores em apuros, já mereceu a indicação para um atendimento psicanalítico.
Outra, um garoto de dez anos, já tem em seu currículo de vida a passagem por três -três!- tratamentos psicanalíticos. O motivo? É uma criança que passou a apresentar dificuldades escolares.
E a menina de oito anos que apresentou o que seus pais chamaram de “erotismo precoce”. Já está em atendimento há mais de um ano. Será que é para tanto?

Continue lendo

Depressão

Foi divulgado recentemente o Suplemento de Saúde da Pnad  (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) de 2008. Essa pesquisa revela que a depressão é a quinta doença de maior ocorrência no Brasil. 4,1% das 59,9 milhões de pessoas atingidas se declaram portadora de alguma doença crônica.

As doenças crônicas (identificadas por algum médico ou profissional de saúde) mais informadas foram: hipertensão (14,0%) e doença de coluna ou costas (13,5%), com artrite ou reumatismo (5,7%), bronquite ou asma (5,0%), depressão (4,1%), doença de coração (4,0%) e diabetes (3,6%).

A Organização Mundias doa Saúde estima que em pouco mais de 10 anos a depressão será a segunda doença mais comum no mundo, devendo atingir o primeiro lugar no ranking em 2030. Ela também será a maior responsável por mortes prematuras e anos produtivos perdidos dado seu potencial incapacitante ( http://blogs.estadao.com.br/sinapses/ ) Continue lendo

Sobre Adriano, Maradona, Mike Tyson, Cazuza e Márcio Guedes

Reproduzo na íntegra post do blog do Lúcio de Castro jornalista da ESPN Brasil (http://espnbrasil.terra.com.br/luciodecastro). O texto é tocante e vale como reflexão.

“Singelamente, os dois me contaram que os meninos iam ali desabafar, falar da vida, da família. Que se sentiam distantes dos psicólogos dos clubes, de seleção, porque eram muito diferente deles, e que os roupeiros e massagistas sim falavam a língua deles”

Adriano deveria ter se apresentado para treinar, viajar, jogar. Não cumpriu nenhuma das três obrigações. Deve ser cobrado por isso. Essa é a parte pública da questão, que diz respeito aos jornalistas, ao torcedor, ao clube que paga seu salário, a qualquer um. Ponto. Quanto a isso me parece que não há qualquer discordância. Continue lendo